A poesia visita as fábulas

Em linhas gerais, a fábula é uma narrativa que aproveita as características atribuídas aos animais para retratar, discutir ou questionar o comportamento humano universal.

Nesse sentido, a raposa é sempre esperta, a formiga, trabalhadora, o macaco, travesso etc.

Esses universais são reconhecidos pelo leitor e explorados em histórias que geralmente terminam em lições, também chamadas morais (a moral da história) ou ainda provérbios, como preferem alguns.

Brincar com essas lições, foi o caminho encontrado pelo Coisa de Criança para renovar e representar as mensagens, muitas vezes já desgastadas ou transformadas em lugares comuns cujo efeito sobre o leitor está amortecido.

No Instagram deste blog, @coisadecrianca_blog, foram publicados alguns poemas curtos que agudizam as morais ou retomam a história conhecida para provocar a criança a enxergar com novos olhos o que é narrado.

Foi assim que a série Poeminhas eFABULAdos surgiu. Uma publicação com poemas que complementam os já publicados está sendo produzida.

Esperamos que os jovens leitores descubram ou redescubram as fábulas e tudo que trazem de divertido e importante sobre a natureza humana.

Um desses poeminhas diz assim:

Outro remete ao universo da fábula em geral:

Não deixe ler neste blog a versão versificada de A princesa e o sapo, feita a partir da tradução direta do alemão para o inglês da versão original dos irmãos Grimm.

Se preferir, ouça a leitura da versão completa no podcast Você já imaginou?, disponível no Spotify, Google, castbox e outras plataformas.

#fabula #versinho #professor #literaturanacional #ensinofundamental #poesiainfantil #linguagens #poemas

Você conhece crônica? Escrever crônica não é fácil. É um gênero de texto que exige uma certa intimidade com as palavras e um jeito especial de ver as coisas que acontecem ao nosso redor e, ainda, ter